ERR_TOO_MANY_REDIRECTS: como resolver no WordPress

Avatar

Redação

1 avaliações

8 de julho de 2019

Você provavelmente já se deparou com o erro ERR_TOO_MANY_REDIRECTS ao acessar algum site.

Esse é um erro popular, principalmente para aqueles que estão desenvolvendo um site com o WordPress. Basicamente, o ERR_TOO_MANY_REDIRECTS indica que há um redirecionamento incorreto ou loop de redirecionamento ao tentar acessar o site.

ERR_TOO_MANY_REDIRECTS

Em outras palavras, isso significa que o redirecionamento está redirecionando para ele mesmo, e por isso, o navegador não consegue acessar a página. A mensagem de erro pode variar a depender do navegador.

O Chrome vai indicar que a "página não está funcionando" e que há um redirecionamento em excesso", juntamente com o erro ERR_TOO_MANY_REDIRECTS:

Err Too Many Redirects - Chrome

O Firefox vai informar que existe um "redirecionamento incorreto" e que o servidor está redirecionando a solicitação para o endereço de modo que nunca será concluído".

Err Too Many Redirects - Firefox

Porém, em ambos os casos a mensagem representa o mesmo erro: de excesso de redirecionamento. Se você não é proprietário do site que está tentando acessar, você pode tentar limpar cache e cookies do navegador ou entrar em contato com o proprietário do site para que ele corrija o problema.

No entanto, se o problema ocorre no seu site, acompanhe o nosso conteúdo e o que você pode fazer para resolver esse problema.

O que você precisa saber antes de começar

Aqui, nós vamos apresentar três formas de resolver esse problema:

  • Verificar configurações de URL do WordPress;
  • Desabilitar os plugins do WordPress;
  • Desabilitar o arquivo .htaccess.

Para isso, é necessário que você tenha acesso ao painel de administração da sua conta de hospedagem e as credenciais de acesso para seu painel WordPress.

Antes de começar, é muito importante ter em mente que as modificações podem causar problemas no site, e portanto, é essencial que você faça um backup dos arquivos originais. Uma forma simples de fazer isso, é renomear os arquivos ao invés de excluí-los, evitando a perda de arquivos.

Verificar as configurações de URL do site

A primeira tentativa que podemos fazer é verificar as configurações de URL do site. No WordPress é possível configurar a URL do site de três formas:

  • Pelo painel de controle do WordPress (o Dashboard);
  • Pelo servidor FTP ou gerenciador de arquivos;
  • Pelo banco de dados com o phpMyAdmin.

Vamos começar pelo painel WordPress, que é a forma mais facilmente acessível.

Pelo painel de controle WordPress

Uma das principais causas do erro ERR_TOO_MANY_REDIRECTS no WordPress ou em outras plataformas está na configuração do endereço do site (URL).

Normalmente, os sistemas de gerenciamento de conteúdo possuem uma parte para a configuração do endereço do site. No WordPress, por exemplo, a parte de configuração do endereço pode ser encontrada no menu Configurações > Geral.

Err Too Many Redirects - Painel WordPress

Aqui, é possível definir o Endereço do WordPress e também o Endereço do Site. Como pode haver uma confusão na definição desses campos, é importante entender exatamente o que cada um representa:

  • Endereço do WordPress (URL) - é o endereço em que estão os arquivos do site WordPress;
  • Endereço do site (URL) - é o endereço que você quer que as pessoas digitem no navegador para acessar seu site.

Então se você instalou o WordPress numa pasta blog dentro da public_html (/public_html/blog), o Endereço do WordPress deve estar definido como http://seudominio.com/blog.

Depois de definir os endereços, basta clicar no botão Salvar Alterações no fim da página.

Manualmente com FTP e gerenciador de arquivos

Caso você esteja com problemas para fazer login no WordPress e acessar o painel de administração, a alternativa é realizar essa configuração manualmente. Isso pode ser feito de duas formas: acessando os arquivos com FTP ou acessando o servidor de banco de dados.

A maioria dos provedores de hospedagem inclui um cliente FTP web integrado ao painel de hospedagem – o gerenciador de arquivos. Dessa forma, é possível editar os arquivos da hospedagem com facilidade, sem ter que baixá-los e enviá-los novamente para o servidor.

Assim, tudo que você precisa fazer é acessar a pasta em que o WordPress foi instalado no servidor pelo gerenciador de arquivos e editar o arquivo wp_config.php:

Err Too Many Redirects - WP Config

Com o arquivo aberto para edição, basta adicionar duas linhas no fim do arquivo, substituindo os endereços de acordo com o seu domínio:

define('WP_HOME','http://enderecowordpress.com');
define('WP_SITEURL','http://enderecodosite.com');

Note que que a primeira linha se refere ao endereço do WordPress, então se o WordPress estiver numa pasta como /public_html/wp, você deve colocar o /wp ao fim do endereço. Já o endereço do site, deve ser o endereço que você quer definir para o site WordPress.

Dica: caso você não consiga usar o gerenciador de arquivos, veja o tutorial de como usar o FileZilla.

Manualmente com banco de dados e phpMyAdmin

Para fazer essa alteração manualmente pelo banco de dados, você deve acessar o servidor de banco de dados com um cliente MySQL. Isso pode ser feito com o phpMyAdmin, que é incluído por padrão nos painéis de hospedagem.

No phpMyAdmin, você deve localizar a tabela wp_options e modificar os valores (option_value) das duas primeiras linhas, referentes ao endereço do site (home) e ao endereço do WordPress (siteurl).

Nota: nesse caso, o prefixo da tabela wp_options é wp_, mas o nome da tabela pode variar de acordo com o prefixo definido durante a instalação do WordPress.

Err Too Many Redirects - Como resolver com phpMyAdmin
  • O home se refere ao endereço do site, o endereço que você quer definir para acesso ao site WordPress;
  • O siteurl se refere a pasta em que os arquivos do WordPress estão localizados.

Para modificar o valor, basta dar dois cliques no campo a ser alterado que você poderá modificá-lo:

Err Too Many Redirects - Como resolver no phpMyAdmin

Pronto, depois de modificar, você já poderá visitar a página do seu site WordPress e verificar o loop de redirecionamento – ERR_TOO_MANY_REDIRECTS – permanece.

Desabilitar plugins do WordPress

Os plugins do WordPress trazem várias funcionalidades e deixam a plataforma poderosa. No entanto, eles também podem ser a origem de vários problemas, incluindo o ERR_TOO_MANY_REDIRECTS. Por isso, fazer uma verificação nos plugins pode ajudar nesse caso.

Se você consegue acessar o painel de administração do WordPress, você pode desabilitar os plugins através parte de gerenciamento de plugins do WordPress:

Err Too Many Redirects - Como resolver desabilitando plugins

No entanto, se não for possível acessar o painel de administração do WordPress, os plugins podem ser desabilitados manualmente com um cliente FTP ou gerenciador de arquivos.

No gerenciador de arquivos da hospedagem, é necessário localizar a pasta plugins do WordPress, que fica dentro da pasta wp-content, onde o WordPress foi instalado. Por exemplo, se o WordPress foi instalado diretamente na public_html, a pasta de plugins tem o caminho: /public_html/wp-content/plugins/.

Nota: a pasta public_html pode ter outro nome a depender da hospedagem, como www ou web, como é o caso da UOL HOST.

Aqui, há duas formas de desabilitar os plugins:

  • Renomeando ou removendo as pastas individuais de cada plugin;
  • Renomeando ou removendo a pasta plugins, que contém todos os plugins.

Se você tem poucos plugins instalados e já tem uma suspeita de qual plugin pode estar causando o problema, basta renomear a pasta individual do plugin. No caso de ter muitos plugins, você pode renomear a pasta plugins, desabilitando todos os plugins do WordPress.

Desabilitando plugins no gerenciador de arquivos da Hostinger

Na Hostinger ou WebLink, é possível renomear arquivos e pastas facilmente, de forma parecida como se faz no computador.

Primeiro é necessário navegar até a pasta wp-content. Depois, basta clicar com botão direito na pasta plugins, e escolher a opção Renomear:

Err Too Many Redirects - Renomear plugins na Hostinger

Em seguida, você poderá definir um novo nome para a pasta. Basta colocar qualquer nome que seja diferente de "plugins" para que o WordPress ignore e desabilite todos os plugins e confirmar clicando em Renomear.

Err Too Many Redirects - Como resolver renomeando plugins na Hostinger

Desabilitando plugins do WordPress no cPanel

O procedimento também é muito fácil nas hospedagens que utilizam cPanel, como HostGator, HostMídia e GoDaddy.

Os passos são praticamente os mesmos, sendo que a maior diferença fica somente para a interface gráfica do gerenciador de arquivos: navegar até a pasta de plugins, clicar com o botão direito nela e selecionar a opção Rename.

Err Too Many Redirects - Desabilitando plugins no cPanel

Depois, basta definir um novo nome para a pasta de plugins, como foi feito anteriormente e confirmar clicando em Rename File.

Err Too Many Redirects - Desabilitar plugins no cPanel

Em outros gerenciadores de arquivos de hospedagem o procedimento é basicamente o mesmo. Caso você tenha dificuldade em usar o gerenciador de arquivos, você pode fazer o mesmo procedimento com um cliente FTP.

Com os plugins desabilitados, você pode acessar novamente o seu site e verificar se o problema de loop de redirecionamento permanece. Confirmando que o problema tem origem nos plugins, basta ir habilitando plugin a plugin até encontrar o responsável pelo ERR_TOO_MANY_REDIRECTS.

Desabilitar o arquivo .htaccess

Se os procedimentos anteriores não ajudaram, há mais uma alternativa para você tentar resolver o erro ERR_TOO_MANY_REDIRECTS – desabilitar o arquivo .htaccess.

Como o .htaccess é um arquivo que mantém configurações e regras de redirecionamento de sites em geral, esse procedimento pode ser útil para qualquer plataforma.

O método para desabilitar o .htaccess é parecido com o de desabilitar os plugins – você só precisa renomear o arquivo. Basicamente, ao renomear o arquivo .htaccess, você está dizendo para o servidor de hospedagem ignorar o carregamento daquele arquivo, e consequentemente, as configurações contidas nele.

Localizando e renomeando o arquivo .htaccess

O arquivo .htaccess fica na pasta pública do servidor de hospedagem, normalmente nomeada como public_html. No entanto, é possível encontrar a pasta pública do servidor com outros nomes, como www, web, entre outros.

Para renomear o arquivo .htaccess, basta repetir o mesmo procedimento feito com a pasta de plugins, mostrada anteriormente.

Se depois de renomear o arquivo .htaccess o site voltar a funcionar normalmente, você pode editar ou substituir o arquivo .htaccess, colocando a configuração sugerida pelo WordPress:

# BEGIN WordPress
<IfModule mod_rewrite.c>
RewriteEngine On
RewriteBase /
RewriteRule ^index\.php$ – [L]
RewriteCond %{REQUEST_FILENAME} !-f
RewriteCond %{REQUEST_FILENAME} !-d
RewriteRule . /index.php [L]
</IfModule>
# END WordPress

Dica: você pode encontrar o .htaccess recomendado para o WordPress sistema na documentação.

O que fazer se o problema persistir?

Pronto, agora você sabe o que significa o ERR_TOO_MANY_REDIRECTS e como corrigir esse problema no seu site WordPress. Porém, se mesmo após esses procedimentos o loop de redirecionamento permanecer em seu site, comunique o problema ao suporte do seu provedor de hospedagem.

Você também pode habilitar os relatórios de erros do PHP para investigar problemas no seu site. Porém, é sempre bom poder contar com uma boa equipe de suporte preparada para auxiliar em problemas a qualquer momento.

Portanto, a escolha de uma boa hospedagem é fundamental. Confira o nosso ranking e escolha a melhor hospedagem de sites para você.


Avatar

Written by Redação

Melhor Hospedagem de Sites é um projeto com o objetivo de ajudar as pessoas na busca pelo lugar ideal para hospedar seus sites, trazendo informação e conhecimento sobre o universo de hospedagem de sites.

Divulgação:

Nossos reviews incluem links de afiliados e ao fazer uma compra através deles, você ajuda apoiando o funcionamento deste blog. No entanto, não somos patrocinados por nenhum dos provedores para assim manter nossos reviews honestos e transparentes. Leia mais...
Deixe um comentário

* your email will not be displayed

User comments

Ricardo imagem
Ricardo

11 de junho de 2019

Muito bom! O único post que resolveu meu problema! Acessei o wp_options e desabilitei o _transient_random_seed ai enfim consegui colocar o site no ar novamente.

Muito bom! O único post que resolveu meu problema! Acessei o wp_options e desabilitei o _transient_random_seed ai enfim consegui colocar o site no ar novamente.