Erro 403 Forbidden: o que significa e como corrigir

O erro 403 Forbidden é um erro comum encontrado por muitos usuários e proprietários de sites.

É normal lidar com mensagens erro durante o desenvolvimento de sites e erro 403 é um erro relativamente comum, principalmente em sistemas populares de hospedagem de sites. Erros deste tipo podem ter diferentes causas, por isso, é necessário investigar a origem do problema.

Erro 403 Forbidden

Neste tutorial, você vai aprender o que é erro http 403, por que ele ocorre e, claro, o que fazer para corrigir esse erro. Aqui, nós vamos utilizar como exemplo de resolução desse problema para um site com WordPress, no entanto, esses procedimentos podem ser adaptados para qualquer tipo de site.

Então, acompanhe o nosso artigo para saber mais sobre o erro http 403!

O que é erro 403 Forbidden?

O erro 403 Forbidden (ou erro 403 Proibido) é um erro HTTP, que representa um dos códigos de status HTTP. Como o próprio nome do erro sugere, o erro indica que o servidor rejeitou um pedido do usuário. Em outras palavras, você está tentando acessar um conteúdo proibido para acesso.

Erro 403 Forbidden

O erro 403 pode ser apresentado de várias formas:

  • Erro 403: Permissão negada;
  • Erro HTTP 403 - O site recusou-se a mostrar a página da Web;
  • Você não tem autorização para ver esta página - HTTP Error 403;
  • HTTP Error 403 - No Permission to Access;
  • Forbidden: You don't have permission to access [directory] on this server;
  • HTTP Error 403 – Forbidden;
  • 403 forbidden request forbidden by administrative rules;
  • 403 Forbidden.

A forma como esse erro é apresentado pode variar de acordo com o servidor web em que o site está hospedado.

Então, ao receber esse erro você sabe que:

  • A requisição/pedido do usuário foi recebida com sucesso pelo servidor;
  • A requisição/pedido do usuário foi rejeitada pelo servidor.

Por exemplo, esse erro acontece quando você tenta acessar uma página que exige uma conta ou é restrita para administradores do site.

Com isso, você já sabe o que é o erro 403 e do que ele se trata. Mas afinal, por que esse erro acontece?

Causas do erro 403 Forbidden

Sabendo o que é o erro 403, o próximo passo é entender por que ele acontece, quais são suas possíveis causas. Geralmente, erros desse tipo podem ter mais de uma origem, nesse caso, é necessário investigar o que fez o servidor rejeitar a requisição/pedido do usuário.

Erro 403

Como vimos, a própria mensagem de erro indica que o usuário está proibido de acessar determinada página ou conteúdo, ou que ele não tem permissão. Nesse caso, "permissão" é uma palavra chave para ajudar a identificar a causa do erro 403.

Quando se tratam de erros de permissões ou proibição de acessos, nós podemos começar:

  • Verificando as configurações do servidor web ou no arquivo .htaccess;
  • Verificando as permissões dos arquivos e diretórios relacionados.

Nota: há também a possibilidade do administrador do site ter configurado a proteção do diretório ou da listagem de arquivos de um diretório.

Dessa forma, sabendo as possíveis causas, já temos um ponto inicial para corrigir esse erro.

Como corrigir o erro 403 Forbidden?

Tendo um ponto inicial para investigar os erros, fica mais fácil corrigi-los. Agora, nós podemos procurar nos arquivos e configurações relacionadas com permissões em um site. Para os proprietários do site, aqui vão alguns procedimentos que podem ser feitos.

Erro 403 Forbidden Nginx

Nota: Se você não é proprietário do site que apresenta o erro, tente limpar o cache do seu navegador e acessar novamente o site. Você também pode tentar entrar em contato com o proprietário do site através das mídias sociais.

Essas dicas são principalmente úteis para quem utiliza WordPress, mas podem servir para outros sistemas e qualquer tipo de site. Então, se você quer corrigir o erro 403 Forbidden,

Verificando o arquivo .htaccess

Uma das principais causas desse erro, está no arquivo .htaccess. Para quem não conhece, o arquivo .htaccess é um arquivo de configuração do servidor web Apache. Nele, é possível definir algumas regras e configurações para o servidor web, sem ter modificar diretamente as configurações do servidor.

A utilização do arquivo .htaccess é muito comum em planos de hospedagem compartilhada, em que o usuário não tem acesso às configurações do servidor. Como alternativa, para criar regras e fazer configurações para o próprio site, o arquivo .htaccess se faz necessário.

Dica: se você tem um servidor VPS ou servidor dedicado, é recomendado que faça as configurações diretamente no arquivo de configurações do Apache.

A maioria dos provedores de hospedagem cria o arquivo .htaccess no diretório raiz público do usuário, o public_html. Dessa forma, para acessar o arquivo, você pode usar o gerenciador de arquivos do painel de hospedagem ou um cliente FTP.

Erro 403 - Arquivo .htaccess na Hostinger

Alguns gerenciadores de arquivos escondem os arquivos ocultos (arquivos iniciados com ".") por padrão. Para exibir, procure a opção de configurações do gerenciador e marque "Mostrar arquivos ocultos (dotfiles)":

Erro 403 Forbidden - Mostrando dotfiles no cPanel

Nota: Caso você não encontre o arquivo .htaccess, você poderá criá-lo manualmente pelo gerenciador de arquivos. Se você usa WordPress no seu site, o conteúdo do arquivo .htaccess pode ser encontrado aqui.

Depois de encontrar o arquivo .htaccess, você deve:

  1. Fazer um backup do arquivo (baixe para o seu computador ou crie uma cópia com outro nome pelo gerenciador de arquivos);
  2. Excluir o arquivo ".htaccess" original.

Você também pode simplesmente renomear o arquivo .htaccess original. Com um nome diferente, por exemplo, ".htaccess_antigo", ele não será considerado pelo servidor de hospedagem.

Após isso, acesse novamente o site e verifique se o problema permanece. Se seu site é com WordPress, você pode gerar um novo arquivo .htaccess na parte de Configurações > Link permanentes.

Erro 403 Forbidden - Gerar .htaccess no WordPress

Você também pode incluir o conteúdo do .htaccess do WordPress manualmente, editando o arquivo pelo gerenciador de arquivos e incluindo o conteúdo padrão do .htaccess do WordPress.

Se o problema persistir depois dessas modificações, vamos para a segunda alternativa.

Verificando as permissões de arquivos e diretórios

O erro 403 Forbidden também pode ter origem nas permissões dos arquivos hospedados. A maioria das hospedagens utiliza Linux em seus servidores, e o Linux tem a sua própria estrutura para permissões de arquivos.

Quando um arquivo é criado, as permissões dele são definidas de acordo com a aplicação ou sistema em execução. Essas permissões simplesmente definem se o arquivo pode ser lido, escrito e executado, assim como quem terá essas permissões com os arquivos.

É possível alterar a permissão de um arquivo facilmente com o gerenciador de arquivos de hospedagem ou com um cliente FTP. No gerenciador de arquivos de hospedagem, basta clicar com botão direito no arquivo ou diretório que deseja modificar e procurar pela opção de mudar permissões ou autorizações.

No gerenciador de arquivos Hostinger, por exemplo, basta clicar com botão direito e ir na opção Autorizações:

Erro 403 Forbidden - Alterando permissões na Hostinger

A alteração de permissões também é fácil nas hospedagens que utilizam cPanel, como HostGator, HostMídia e GoDaddy, clicando em Change Permissions no gerenciador de arquivos:

Erro 403 Forbidden - Alterar permissões de arquivos

Embora que seja possível modificar as permissões diretamente no gerenciador de arquivos, o controle de permissões por esse tipo de ferramenta ainda é limitado. Nesse caso, realizar a modificação das permissões de arquivos com um cliente FTP acaba sendo mais fácil.

No caso do WordPress, por exemplo, a recomendação para as permissões de arquivos são diferentes das permissões para diretório.

  • Diretórios devem ter a permissão 755;
  • Arquivos devem ter a permissão 644;

O FileZilla ajuda a fazer a mudança da permissão dessa forma, já que é possível definir se o programa mudará as permissões só dos arquivos, dos diretórios ou de ambos.

Dica: veja como usar o FileZilla para gerenciar os arquivos da sua hospedagem.

1. Ao conectar com o FileZilla, clique com botão direito na pasta public_html e na opção Atributos do arquivo.

Erro 403 Forbidden - Permissões do FileZilla

2. Agora, nós vamos modificar as permissões dos diretórios. Nesta parte, o campo Valor numérico deve ser 755, e as opções Incluir subpastas e Aplicar somente a pastas devem estar marcadas.

Erro 403 Forbidden - Permissões dos diretórios FileZilla

3. Depois disso, vamos repetir esse mesmo procedimento, mas para definir as permissões dos arquivos. Aqui, o campo Valor numérico deve ser 644, e as opções Incluir subpastas e Aplicar somente a arquivos devem estar marcadas.

Erro 403 Forbidden - Permissões dos arquivos FileZilla

4. Pronto, tente acessar o site novamente e verifique se o problema persiste.

Outras possíveis soluções para o erro 403

Se o erro ainda persiste depois dessas duas tentativas, ainda existem algumas coisas que você pode fazer:

  • Desabilitar plugins no WordPress - Se você utiliza WordPress, uma das coisas que você pode fazer é desabilitar os plugins. Isso pode ser feito facilmente renomeando a pasta de plugins que fica em wp-content para outro nome.
  • IP sendo bloqueado no Gerenciador de IP - alguns painéis de hospedagem incluem um uma opção para bloquear IP (IP Deny) para acesso ao site. Se essa opção estiver disponível no painel, vale a pena conferir se ela está bloqueando algum endereço.

Com isso, você deve conseguir resolver o erro http 403 no seu site. Se ainda assim o problema não for resolvido, lembre-se que você pode contar com o suporte da sua hospedagem e essa pode ser uma boa oportunidade para testá-lo.

Concluindo e resolvendo outros problemas

Pronto, agora você sabe o que é erro 403 Forbidden, quais são as causas e o mais importante – como corrigi-lo. Durante o desenvolvimento de um site, é natural lidar com erros de diversos tipos, mas quase sempre é possível resolver com facilidade.

No entanto, quando se trata de um erro de programação ou código na aplicação, descobrir a origem do problema pode exigir mais trabalho. Nesses casos, é essencial saber como acessar os erros gerados pelo site.

Quer aprender como resolver outros erros do seu site ou aplicação web? Veja o nosso artigo e descubra como mostrar os erros PHP!

Melhor Hospedagem de Sites é um projeto com o objetivo de ajudar as pessoas na busca pelo lugar ideal para hospedar seus sites, trazendo informação e conhecimento sobre o universo de hospedagem de sites.
Deixe um comentário

Receba os artigos do blog por e-mail: