SMTP: o que é, para que serve e como funciona

O SMTP é o protocolo padrão de uma formas de comunicação mais usadas na Internet: o e-mail.

Quando você utiliza um serviço de e-mail, como Gmail, Outlook ou Yahoo! para enviar uma mensagem, o SMTP está sendo usado. O mesmo ocorre para qualquer provedor de hospedagem que ofereça o serviço de e-mail.

SMTP

Saber o que é SMTP pode ser particularmente útil na configuração de aplicações que lidam com e-mail. Seja para configurar um programa de e-mail como Outlook ou Thunderbird em seu computador, ou até mesmo configurar o envio de e-mails em um site.

Neste artigo vamos conhecer mais sobre o SMTP, o principal protocolo para envio de mensagens de e-mail na Internet. Vamos lá?

O que é SMTP?

SMTP é a sigla para Simple Mail Transfer Protocol, em português, protocolo de transferência correio simples. Um protocolo é necessário para que uma comunicação possa ocorrer com sucesso na Internet, e o SMTP é o protocolo padrão para o envio de mensagens de e-mail.

O SMTP foi inicialmente definido como um padrão para Internet em 1982 pela IETF na especificação do documento RFC 821, por Jonathan B. Postel.

É importante destacar que o protocolo SMTP é referente somente ao envio de e-mails, do remetente para o destinatário. A parte de recebimento de e-mail, ou seja, baixar as mensagens de e-mail do servidor fica por conta dos protocolos de recebimento, como IMAP e POP3.

Qual a porta SMTP?

Quando se trata de portas para comunicação em redes, é possível encontrar várias opções para o protocolo SMTP.

Porta SMTP

Por padrão, a porta SMTP é a porta 25 – a porta utilizada normalmente para o envio de mensagens entre servidores de e-mail. Embora seja possível utilizar a porta 25 na comunicação entre cliente e servidor, ela geralmente é bloqueada por provedores de Internet e hospedagem.

Essa medida existe para evitar que computadores ou servidores comprometidos por vírus e malware sejam utilizados para enviar SPAM. No Brasil, o bloqueio da porta 25 pelas operadoras e provedores de Internet ocorre desde de 2013.

Dica: ter uma mensagem identificada como SPAM pode prejudicar bastante os negócios, por isso, considere um serviço de e-mail profissional.

Dessa forma, foi definida a porta SMTP 587 para o envio de e-mail, desta vez, utilizando criptografia com TLS/SSL. É essa a porta SMTP que deve ser usada na configuração de um cliente e-mail, como Thunderbird ou Outlook.

Há também a porta 465, que foi definida como uma porta SMTP temporariamente. Porém, hoje é atribuída a outro tipo de serviço e não deve mais ser utilizada na comunicação dos servidores de e-mail. Ainda é possível encontrar essa porta em vários serviços e programas como uma alternativa para sistemas antigos.

PortaDescrição
587A principal porta SMTP para comunicação entre cliente e servidor.
465Antiga porta usada na comunicação com servidor SMTP.
25Porta padrão para comunicação de servidor para servidor SMTP.
2525Porta não padronizada, mas utilizada por alguns provedores.

Alguns provedores de hospedagem de e-mail incluem portas adicionais, como a porta 2525, que serve basicamente como um espelho para principal porta STMP, a 587.

Segurança do protocolo SMTP

Quando se trata de comunicação na Internet, a segurança é um fator extremamente importante. Por padrão, o protocolo SMTP não possui a funcionalidade para autenticar o remetente da mensagem de e-mail, o que facilita o uso do protocolo para envio de SPAM e Phishing.

Para contornar esta situação, foi desenvolvido uma extensão para o protocolo SMTP, a SMTP AUTH, que exige o envio de mensagens autenticadas. Esta prática ajuda o servidor a manter uma boa reputação, evitando seu uso para SPAM.

Ainda para ajudar na autenticação, existem algumas boas práticas no envio de e-mail com o protocolo SMTP. Entre elas estão a configuração de registros DNS, como SPF e DKIM, que ajudam na verificação do servidor de envio em relação ao domínio configurado para o e-mail.

Como configurar e usar um servidor SMTP

Configurar um servidor SMTP pode ser uma tarefa muito trabalhosa, mesmo para especialistas em administração de servidores. Ainda que existam ferramentas já bem estabelecidas no mercado, há um certo consenso de que você provavelmente não vai querer rodar o seu próprio servidor de e-mail.

Servidor SMTP

Além de ser trabalhoso, manter e configurar um servidor SMTP é complicado e consome bastante tempo. Para ter uma ideia, um servidor de e-mail envolve componentes como: agentes de transferência e entrega de e-mail, servidor STMP, POP3 e IMAP.

Fora recursos como filtro de spam, anti-malware ou antivírus e claro, o Webmail. Além disso, como administrador do servidor de e-mail, você deve ser responsável pela manutenção do servidor, manter o servidor fora das várias listas negras e estar preparado para resolver problemas técnicos no servidor.

Se você quer somente configurar um servidor para enviar mensagens do seu servidor, isso pode ser feito com uma ferramenta como o Postfix.

No entanto, existe uma alternativa fácil e grátis para quem quer ter um servidor de e-mail com praticidade – usar um serviço de e-mail.

Serviços de e-mail com servidor SMTP

Existem vários serviços de e-mail que disponibilizam o servidor SMTP para ser usado livremente em sites e aplicações. Com isso, não há a necessidade de configurar um servidor independente somente para o envio de mensagens de e-mail.

Entre as principais opções estão:

  • G Suite - inclui diversas ferramentas do Google, a partir de US$5 por usuário/mês.
  • Microsoft Office 365 - suite de escritório da Microsoft, R$ 35,70 por usuário/mês.
  • Zoho Mail - serviço de e-mail com suporte para domínio, US$1 por usuário/mês.

A grande maioria dos provedores de hospedagem também incluem o serviço de e-mail em seus planos. Então se você contratar um plano de hospedagem de sites, é grande a probabilidade do servidor de e-mail estar disponível no serviço por um valor ainda menor.

Hospedagem de Email

Esses serviços também permitem a configuração de um e-mail com domínio próprio, podendo substituir completamente serviços gratuitos.

Para quem quer somente usar o servidor de e-mail para envio na aplicação e de forma gratuita, é possível conseguir isso até mesmo com os planos gratuitos desses serviços. Usando uma biblioteca que trabalhe com SMTP, como o phpMailer, é possível usar os planos gratuitos do Gmail, Outlook e Zoho.

Note que a utilização do servidor SMTP em um plano grátis pode ser bastante limitada. O Gmail, por exemplo, possui o limite de 100 envios por dia.

Conclusão

O protocolo SMTP é uma parte fundamental para a comunicação na Internet, afinal, é o protocolo por trás do envio de mensagens de e-mail. Portanto, é válido entender o que é SMTP e saber como esse protocolo funciona.

Porém, embora esteja presente em praticamente toda a Internet, o SMTP é um protocolo complexo, e sua configuração pode ser um desafio mesmo para quem já é experiente. Assim, a melhor forma de evitar problemas com o SMTP e servidor de e-mail é usar um serviço projetado para isso.

Muitos provedores de hospedagem incluem o serviço de e-mail, e muitos deles incluem gratuitamente em seus planos de hospedagem de site. Confira nossa lista e escolha a melhor hospedagem de sites com servidor de e-mail para conhecer as melhores opções.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nas redes sociais para que mais pessoas conheçam sobre o SMTP. Tem alguma dúvida ou sugestão? Compartilhe com a gente nos comentários!

Melhor Hospedagem de Sites é um projeto com o objetivo de ajudar as pessoas na busca pelo lugar ideal para hospedar seus sites, trazendo informação e conhecimento sobre o universo de hospedagem de sites.

Deixe um comentário

Receber novidades por email: