Site responsivo: entenda o que é e para que serve

Em um tempo em que grande parte dos acessos na Internet é feito por meio de um dispositivo móvel, entender o que é um site responsivo é necessário.

Você já parou para pensar em como os sites são acessados na Internet? De acordo com estatísticas, em 2018, mais da metade do tráfego na web é gerado por um dispositivo móvel, como celular ou smartphone. Com isso, trazer uma experiência de navegação agradável para quem está acessando de um celular se tornou uma necessidade.

O que é site responsivo

Mas afinal o que significa site responsivo? Já percebeu como quando você abre um site no seu celular ele fica com jeito diferente de quando você abre no seu computador? Ou melhor, você já redimensionou uma janela do navegador e viu como a página foi se adaptando para exibir tudo corretamente?

Essa é a proposta do site responsivo – fazer com que o site se adapte a telas de diferentes tamanhos e resoluções, o que é chamado de responsividade.

Ter um site responsivo faz uma grande diferença para os visitantes da sua página, já que ninguém quer navegar em um site que não exibe o conteúdo corretamente.

Neste texto, vamos te explicar exatamente o que é site responsivo e como a responsividade funciona. Acompanhe!

O que é um site responsivo?

Para entender melhor o que é um site responsivo, é importante saber o significado de responsividade para a Web.

Um site responsivo é um site projetado para se adaptar automaticamente a qualquer resolução, independente do tamanho do tela, mantendo uma experiência coerente em qualquer dispositivo.

Assim, os textos, imagens e outros elementos do site são redimensionados e reposicionados para manter a boa experiência de uso.

Características de um site responsivo:

  • O conteúdo se adapta automaticamente de acordo com o tamanho da tela;
  • O menu é ajustado de acordo com o tipo de dispositivo para facilitar a interação;
  • O tamanho dos textos e imagens se ajustam ao layout e tamanho da tela;
  • Os elementos mudam de posição e tamanho de acordo com o dispositivo;
  • Recursos e elementos relevantes para o tipo dispositivo são utilizados.

Site responsivo - DispositivosMas como isso é possível?

Na prática, o que acontece é que o desenvolvedor do site define algumas configurações e para determinadas dimensões de largura e altura da resolução do dispositivo.

Uma forma de fazer isso é utilizando media queries, definindo como cada elemento será exibido de acordo com a resolução do dispositivo.

O mais comum é que sejam criados três tipos de layouts diferentes, cada um projetado para um dispositivo de tamanho diferente, como:

  • Desktop (computador ou notebook) - a tela é maior, interação mais precisa com o ponteiro do mouse, e mais espaço para exibição dos elementos;
  • Celulares e smartphones - tela menor, menor precisão na interação com elementos, e menos espaço para exibição dos elementos e in
  • Tablets - tela de tamanho médio, com uma precisão mais próxima de um celular e um tamanho que pode se aproximar de um desktop.

Fora esses, você também pode levar em consideração TVs, consoles de jogos e até smartwatches.

Um site responsivo é mais do que redimensionar imagens e textos

Há quem pense que um site responsivo se trata somente de redimensionar os elementos de um site, isso é, mudar o tamanho das imagens e das fontes de acordo com o tamanho da tela, mas o design responsivo vai muito além disso.

O que é um site responsivoO web design responsivo foi originalmente projetado por Ethan Marcotte em A List Apart . A ideia é que o design reagiria de acordo com a necessidade dos dispositivos dos usuário. Ou seja, o layout muda de acordo com a tela e os recursos disponíveis do dispositivo.

Por exemplo, se um usuário acessa o site do computador, ele veria duas colunas, mas acessando de um celular, ele veria somente uma coluna para facilitar visualização.

Além disso, é possível exibir elementos e disponibilizar recursos específicos para o tipo de dispositivo. Em um celular, um site responsivo pode exibir um botão para que leva até a loja de aplicativos para baixar o seu aplicativo, ou usar o recurso de notificações diretamente no dispositivo.

Como deixar meu site responsivo?

Se você está começando um site agora e pretende usar o design responsivo, você pode fazer isso usando o recurso de media queries do CSS. Esse recurso é suportado por todos os navegadores modernos, logo, você pode desenvolver com tranquilidade, sem preocupação com questões de compatibilidade.

Para deixar o seu site responsivo, é preciso entender dois conceitos muito importantes: o de viewport e o de breakpoints.

  • viewport nada mais é do que a área visível em uma página na web. Essa área varia de acordo de dispositivo para dispositivo, ela é menor em um celular e maior em tablet ou na tela de um notebook.
  • breakpoints são pontos de interrupção que indicam que houve uma mudança no tamanho da tela do dispositivo ou no viewport e determina que o layout deve se comportar de forma diferente. Você pode adicionar vários breakpoints, de acordo com o tamanho da tela dos dispositivos que você pretende otimizar seu site.

Exemplos de media queries

Digamos que você queira um breakpoint para alterar a largura do menu para 600px quando a largura do viewport for 800px ou menor, você pode fazer criando a seguinte media query:

@media only screen and (max-width: 800px) { 
.menu { width: 600px; }
}

No caso do acesso por um dispositivo menor, você pode querer diminuir ainda mais o tamanho do menu:

@media only screen and (max-width: 600px) { 
.menu { width: 400px; }
}

Dessa forma, com a largura do viewport entre 600px e 800px, o menu terá 600px de largura, e quando for a largura do viewport for menor 600px, o menu terá 400px de largura. Para esse exemplo, nós usamos tamanhos absolutos, mas é recomendado que utilize tamanhos relativos para evitar problemas na exibição do conteúdo.

Dicas para levar em consideração a criar um site responsivo:

  • Use media queries para aplicar diferentes estilos em diferentes tamanhos de telas.
  • Não faça o conteúdo depender de uma viewport específico para ser renderizado corretamente.
  • Não use elementos muito grandes com largura fixa.
  • Use tamanhos ou unidades relativas nos elementos para evitar "quebras" no layout.

Se você quer saber mais detalhes sobre as questões técnicas dos sites responsivos, consulte os materiais de referência da Google e da Mozilla Developer Network.

Preciso deixar meu site responsivo para todos esses dispositivos?

Como existem dispositivos dos mais variados tipos, tamanhos e resoluções, pode dar muito trabalho e levar muito tempo para adaptar o site para todos. Portanto, antes de qualquer coisa, é preciso observar como os acessos ao site são feitos.

Site responsivo - todos os dispositivosSe você percebe que tem muitos visitantes que acessam seu site por celular, o ideal é que você ofereça uma experiência diferenciada para quem acesso por esse tipo de dispositivo.

No entanto, se você não nota nenhum acesso por smartwatch, você não precisa adaptar o seu site para tal nesse momento. É importante que você considere pelo menos os dispositivos mais populares, que são, além do computador e do notebook, o smartphone e o tablet.

Como testar um site responsivo?

Existem algumas ferramentas que facilitam o teste de um site responsivo, para saber se o site está otimizado para dispositivos móveis ou não. Uma das ferramentas mais utilizadas para esse fim é o Teste de computabilidade com dispositivos móveis do Google.

Nele, basta inserir o endereço do seu site para saber se é compatível com dispositivos móveis:

Testar site responsivo com o Google

Preenchendo o endereço do site, a ferramenta vai indicar se o site é ou não compatível com dispositivos móveis:

Testar site responsivo com o Google - Resultado

Também é possível acessar a ferramenta sem mesmo sair do Google, basta buscar por "mobile friendly test":

Testar site responsivo com pesquisa no Google

Outro teste complementar que pode ser feito com outra ferramenta do Google, é sobre o desempenho do site responsivo. Como o site será acessado por dispositivos móveis, há uma chance maior de que a conexão com a Internet seja pior, por isso é válido fazer um teste com o Google Test My Site.

Testar site responsivo com o TestMySite

O teste é feito para redes 3G e 4G, simulando o acesso através de conexões mais lentas, como os de operadoras móveis:

Testar site responsivo com o TestMySite

Mesmo com essas ferramentas, é sempre bom verificar por conta própria e testar o comportamento do site responsivo no próprio navegador para confirmar o bom funcionamento.

Diferença de um site responsivo para um site mobile

Uma das principais dúvidas quando se fala em design responsivo é sobre as diferenças entre um site responsivo e um site mobile. Embora esses dois tipos de sites tem o objetivo de oferecer uma boa experiência em dispositivos móveis, a diferença fundamental está em como eles são projetados.

Um site responsivo que utiliza o mesmo site e o mesmo código para exibir o site em qualquer dispositivo por meio de modificações nos estilos CSS, mas continua sendo o mesmo site. Já o site mobile é uma versão diferente do site original, utilizando arquivos diferentes para exibir as mesmas informações.

O site mobile geralmente usa um endereço diferente do site original, como m.nomedosite.com ou mobile.nomedosite.com para sites específico para dispositivos móveis, enquanto o site responsivo permanece no próprio endereço.

Diferenciais do site responsivo

Com o avanço das ferramentas para desenvolvimento, web design e dos navegadores, está cada vez mais fácil adaptar um site para torná-lo responsivo do que criar uma página diferente para dispositivos móveis – principalmente se é em um novo projeto.

No entanto, em um projeto antigo que não projetado para ser responsivo desde o início, torná-lo responsivo pode dar mais trabalho do que criar um site mobile. É necessário analisar caso a caso, mas se você quiser facilitar o futuro desenvolvimento do seu site, torne-o responsivo o que antes.

Além de facilitar o desenvolvimento no futuro, isso vai facilitar que você utilize seu site como um PWA (Progressive Web App) e permitir que o seu site ou aplicativo web seja usado como um aplicativo de smartphone.

Por que ter um site responsivo é importante?

Você viu como o site responsivo funciona e já sabe de algumas vantagens que ele pode trazer para o seu site, mas para deixar bem claro, nós separamos 10 motivos para destacar a importância da responsividade no seu site. Confira!

1. Melhora a experiência do usuário

Site responsivo - experiência de usuárioA experiência do usuário ao entrar e navegar no seu site tem importância inquestionável. O risco de uma pessoa entrar no seu site e ter dificuldade de encontrar o que quer ou de simplesmente conseguir interagir com o seu site pode te custar vendas, já que a pessoa pode simplesmente decidir sair do site frustrado.

Muitos já passaram por essa experiência e uma pesquisa realizada pelo Google Think Insights comprova isso. Caso um usuário acesse uma página via dispositivo móvel e não encontre o que quer, em 61% das vezes ele desistirá e partirá para outro site. Se ele estivesse procurando por um produto específico, imagine que ela possa ter ido buscar no site de um concorrente.

Assim, a preocupação de ter um site responsivo que se adapta a cada tipo de tela é importante para a retenção de clientes. Você poderá ter a tranquilidade de que, independente do dispositivo sendo utilizado, a melhor experiência possível estará disponível.

2. Aumenta a quantidade de acessos via mobile

Site responsivo - Mais acessos mobileSegundo a IBGE, o celular já se consolidou como o principal meio de acesso à internet no Brasil. Em 2015, 92,1% dos domicílios brasileiros acessaram a internet através de um celular, enquanto o acesso através de microcomputadores foi feito por 70,1% dos domicílios.

Ou seja, os celulares estão cada vez mais sendo usados para acessar a internet. Mais até do que os próprios computadores. Tendo noção disso, ter um site responsivo é muito importante, já que ficar abrindo sites com versão desktop no celular faz com que a navegação fique muito difícil e as letras pequenas cria a necessidade de dar zoom a todo momento para conseguir encontrar os itens devidamente.

Portanto, a preocupação com todos tipos de tela e, principalmente, com o mobile é fundamental.

3. Traz benefícios para SEO

Site responsivo - SEOSEO ou Search Engine Optimization, se refere às técnicas para fazer com que a sua página fique bem ranqueada nos sistemas de busca. Isso é importante para que as pessoas encontrem seu site facilmente ao fazer uma busca no Google, por exemplo. É melhor o seu site aparecer na primeira página do que na página 20.

Sendo assim, o Google dá preferência em suas buscas por sites responsivos, sobretudo quando a pesquisa é feita através de um dispositivo móvel. Ou seja, o trafego orgânico em seu site tem uma chance melhor caso o seu site esteja preparado para os diversos dispositivos. Essa atitude é uma postura do Google para favorecer os que se adaptam a estes novos tempos.

4. Gera mais oportunidades de negócio

Site responsivo - OportunidadesÉ importante considerar que o site é um meio importante de geração de leads. Sendo assim, ter certeza de que o formato da tela está adequado para que a pessoa consiga preencher suas informações rápida e confortavelmente é essencial.

Uma versão de desktop em um celular não é o ideal, já que o usuário teria que ajustar o zoom para encontrar onde digitar e mais múltiplas vezes para conseguir ler as informações.

Pensando também que muitas pessoas vêm aos sites através de links nas redes sociais, onde muitos costumam navegar através de seus celulares, os sites responsivos ganham ainda mais relevância.

5. Prepara para futuros dispositivos

Site responsivo - Preparando para o futuroOs sites responsivos, como foi dito no começo do artigo, são configurados para se adaptar às diferentes resoluções e tamanhos de telas, não aos dispositivos em si.

Isso faz com que seja mais fácil adaptar o site caso novos dispositivos venham a surgir ou se popularizar.

Pode-se imaginar desde tamanhos maiores, como smart TVs, até menores, como relógios inteligentes. Caso você modificar o seu site para um desses novos dispositivos, com o site responsivo isso se torna muito mais fácil. Logo, é uma preocupação a menos é necessária para os diferentes tipos de telas e resoluções.

Conclusão

Ter um site responsivo é praticamente uma regra nos dias de hoje. A web é acessada por mais dispositivos do que já foi um dia e o seu site tem que estar preparado para esses usuários.

Começar um site novo e responsivo não é difícil, mas pode ser um problema para quem tem um site muito antigo. No entanto, essa pode ser uma oportunidade para renovar completamente o seu site, deixando alinhado com as tecnologias mais modernas.

Depois que estiver com o seu site pronto, você pode escolher a melhor hospedagem de sites para deixá-lo no ar sem preocupação com disponibilidade ou desempenho.

Gostou do conteúdo? Compartilhe esse artigo nas redes sociais e ajude mais pessoas a entenderem mais sobre responsividade.

Melhor Hospedagem de Sites é um projeto com o objetivo de ajudar as pessoas na busca pelo lugar ideal para hospedar seus sites, trazendo informação e conhecimento sobre o universo de hospedagem de sites.
Receber novidades por email: