Velocidade do site: entenda o que fazer para medir e melhorar

Avatar

Redação

0 avaliações

24 de julho de 2019 às 3:53

melhorar a velocidade do site

A velocidade do site é um aspecto extremamente importante para a experiência do usuário. Para as empresas, manter-se na concorrência significa constantemente fazer malabarismos com múltiplos componentes para aumentar a satisfação do cliente.

No entanto, não importa o quão ótimas as ofertas são ou o quão surpreendente é o visual do site. Se ele estiver com o carregamento lento não vai manter os usuários envolvidos e, muito menos, converter as vendas.

Portanto, é muito importante analisar os problemas de velocidade de carregamento, especialmente agora que o uso de dispositivos móveis excede o uso da área de trabalho — e cresce com uma taxa cada vez mais rápida.

Neste artigo, você vai aprender como testar e medir a velocidade do site para melhorá-la. Confira!

Afinal, o que é a velocidade do site?

A velocidade do site refere-se ao tempo levado para carregamento de um site, assim com as operações no mesmo. Assim, para determinar a velocidade de um site, é necessário considerar o período desde a solicitação do usuário até o carregamento da página.

O que é velocidade do site?

Dessa forma, existem 3 aspectos principais necessários para entender a velocidade da página em contexto de experiência do usuário e desempenho do site:

  1. a percepção do usuário para a receber do que foi solicitado no site;
  2. a resposta do navegador para solicitações do usuário;
  3. o tempo de resposta do servidor de hospedagem.

É importante ter em mente que a velocidade do site também se refere ao tempo necessário para as interações do usuário. Não adianta a página carregar rapidamente mas as interações comuns do usuário com site demorarem para responder.

Por que a velocidade do site é importante?

As primeiras impressões são vitais na web. Seus clientes, leitores e visitantes do site fazem um julgamento imediato sobre você e seus negócios.

Se o seu site carregar rápido, você fez uma primeira impressão forte. É uma experiência rápida para o usuário. Assim, ao carregar rapidamente, seu novo visitante será imediatamente feliz. É pura psicologia. Consideramos que os sites rápidos são mais profissionais e confiáveis, desta forma relacionamos a velocidade com a eficiência e confiança.

Por que a velocidade do site é importante?

Um site lento, por outro lado, nos faz pensar que é inseguro e pouco confiável. E é muito difícil dar uma volta a essa primeira impressão negativa. Lembre-se, você não tem uma segunda chance quando se trata de experiência do usuário.

O usuário web é extremamente impaciente e cada milissegundo pode ter um impacto no seu comportamento de compra e no processo de tomada de decisão. As estatísticas mostram que as pessoas visitarão um site com menos frequência se for mais lento do que um concorrente próximo em mais de 250 milissegundos.

Com as pessoas mais conectadas e dispostas a compartilharem informações, mais do que nunca, por meio de mídias sociais, uma experiência de compra online lenta e insatisfatória é a última coisa que qualquer site de comércio eletrônico quer se associar.

Como a velocidade do site influência no número de acessos?

A velocidade do site é um dos mais de 200 sinais que o Google usa para determinar o ranking de uma página. O Google continua a colocar o maior peso em fatores como relevância, atualidade, reputação, valor agregado e etc.

Velocidade do site influencia nos acessos

Assim, o desempenho do site, subsequentemente, impacta os rankings dos mecanismos de pesquisa. Ter um ranking de SEO mais alto é o objetivo de todos os negócios, especialmente aqueles que dependem fortemente da internet para vendas.

Embora existam certos fundamentos de SEO que devem ser seguidos para obter destaque, a velocidade do site é um fator de classificação que está crescendo em importância.

O Google anunciou em 2014 que a velocidade do site faz diferença nos rankings de pesquisa. Em suma, o Google afirmou que leva em consideração a velocidade da página e, até mesmo, compara a velocidade do site com outros que aparecem para consultas semelhantes.

Por isso, o princípio crítico na maximização do desempenho do site é focar a otimização da velocidade do site desde o início.

Como medir a velocidade do site?

Antes de tomar qualquer atitude, você precisará ter um método para determinar o que está diminuindo a velocidade do seu site. Somente assim você poderá começar a fazer melhorias. Afinal, é difícil melhorar algo que não é medido.

Para isso, existem diversos serviços de teste de desempenho de sites gratuitos e pagos que ajudam a analisar páginas da web e gerar soluções personalizadas para preencher as lacunas de desempenho que estão dificultando a velocidade do site.

Essas ferramentas verificam a velocidade do site em vários aspectos, incluindo tamanho dos arquivos carregados, tempo de carregamento e de resposta e solicitações relativas a várias partes do site. Por exemplo, se um arquivo de imagem grande é pesado, seria recomendada a compressão do mesmo.

Confira abaixo as melhores ferramentas para medir a velocidade do site.

Google PageSpeed Insights

Google PageSpeed Insights

O Google PageSpeed Insights é uma adaptação na web da popular extensão de navegador de desenvolvimento do Google Chrome, que analisa o desempenho do seu site sob as melhores práticas de desempenho do Google.

Você pode ganhar muitas informações com esta ferramenta web acessível — inclusive inclui um relatório para práticas recomendadas para dispositivos móveis obterem um ótimo desempenho.

Pingdom Tools

Pingdom screenshot

Essa ferramenta gratuita de teste de velocidade do site online do Pingdom (um serviço de monitoramento de servidor, rede e site) fornece vários relatórios, como quanto tempo cada objeto da página da web (por exemplo, imagens, folhas de estilo e bibliotecas de JavaScript) leva para baixar e notas de desempenho para assuntos como o cache do navegador.

Outro relatório útil é uma análise de página que fornece informações sobre o tempo de carregamento, o tamanho da página e os pedidos.

GTMetrix

GTmetrix

O GTMetrix fornece informações sobre o quão bem o seu site carrega e fornece recomendações acionáveis ​​sobre como otimizar.

O GTmetrix possui um kit para desenvolvedores que oferece ferramentas mais avançadas para obter uma visão maior do desempenho da sua página. Seu relatório fornece a imagem completa sobre como seu site carrega e ajuda a detectar onde estão os problemas de lentidão.

WebPagetest

WegPageTest

Essa ferramenta testa a velocidade do site em navegadores reais (Chrome, Firefox e Edge) e oferece uma escolha de realizar o teste de vários locais ao redor do mundo.

O WebPagetest também possui configurações avançadas com opções para simular velocidades comuns de conexão à Internet (por exemplo, dial-up DSL e 56K) e bloqueio de anúncios para que você possa ver o custo de desempenho de exibir anúncios em seu site.

Google Test My Site

Test My Site

Outra ferramenta que testa não só a velocidade do site, mas a conformidade da página com os dispositivos móveis é o Test My Site.

O Test My Site foi projetado especificamente para testar a velocidade do site nos dispositivos móveis, como smartphones e tablets.

Uptrends

Uptrends Screenshot

O Uptrends é mais que um simples analisador de teste de velocidade do site. A ferramenta possui recursos para verificar o uptime e receber o relatório de DNS em vários países.

Um diferencial da ferramenta é poder selecionar a localização do servidor para realizar os testes.

O que torna o site lento e o que fazer para melhorar a velocidade do site?

A velocidade do site afeta a forma como os usuários visualizam seu site. Quando se trata de acessar uma página pela primeira vez, cada segundo conta — e conforme o tempo passa, uma porcentagem maior de usuários online vai abandonar seu site completamente, perdendo a oportunidade de uma possível conversão.

No entanto, muitas empresas tendem a ignorar elementos cruciais de design web que diminuem os tempos de carregamento do site por falta de conhecimento.

Para não cometer o mesmo erro, confira agora algumas características que podem prejudicar a otimização do seu site:

Imagens pesadas ou mal otimizadas

Imagens e vídeos de alta qualidade demoram mais no download em navegadores solicitantes, enquanto os gráficos leves e de baixa qualidade capturam a atenção do usuário e têm um dos menores tempos de carregamento.

Não confie no HTML para redimensionar imagens. A resolução no elemento da imagem não é diminui o tamanho do arquivo de imagem, ela simplesmente redimensiona na janela do navegador, depois que o usuário já baixou o arquivo no tamanho original.

Você pode usar um serviço de otimização de imagens, como o TinyPNG para reduzir consideravelmente o tamanho das imagens. Dessa forma, você acelera o carregamento e melhora a velocidade do site.

Velocidade do site - Imagens pesadas

Portanto, é importante analisar o conteúdo multimídia de carregamento para que seja rápido e totalmente funcional para manter os visitantes do site.

Falhas em códigos e plugins em excesso

Recursos e funcionalidades adicionais sempre agradam aos proprietários e desenvolvedores de sites. Widgets e plugins permitem mudanças convenientes em sites existentes, porém, podem ser a origem para a carga sobre o desempenho do site.

Velocidade do site - Plugins em excesso

Às vezes, a qualidade e a funcionalidade dos scripts importam muito mais do que o próprio número. Os scripts que consultam grandes fluxos de dados para executar operações complexas devem fazer isso fora do servidor e não em ambientes de hospedagem de sites.

Quantidade de publicidade (anúncios e propagandas)

Muitos anúncios de carregamento lento geram taxas de rejeição e têm impacto negativo na comercialização online. As perdas financeiras pelas taxas de rejeição elevadas superam os benefícios monetários da entrega de vastos espaços de sites aos anunciantes.

Velocidade do site - Anúncios e propagandas

Se você tem muitos serviços externos, é necessário carregá-los e aguardar informações sobre eles em cada carregamento de página. Quanto mais chamadas e quanto mais espera você tiver, maior será a carga em seu próprio servidor e maior a chance de lentidão.

Monitorar o desempenho do site é fundamental

Monitorar o tempo consumido no processamento de conteúdo da página inteira é um elemento essencial na experiência do usuário final. Essa informação gera decisões estratégicas de TI na implantação e otimização da infraestrutura de hardware para maximizar o desempenho do site.

Monitorar regularmente esse indicador de desempenho permite que os proprietários de sites percebam como o site funciona à medida que ele se escala em termos de tamanho e tipo de conteúdo.

Monitorar velocidade do site

Com essas informações, os webmasters podem armazenar em cache o conteúdo estático em locais separados, como a rede de entrega de conteúdo (CDN), enquanto mantém servidores dedicados para fornecer conteúdo dinâmico de forma eficiente.

O uso de cache pode fazer a diferença

Quando você visita um site, os elementos da página são armazenados em seu disco rígido em um cache ou armazenamento temporário, então a próxima vez que você visitar o site, seu navegador pode carregar a página sem ter que enviar outra solicitação HTTP para o servidor.

No primeiro acesso de uma pessoa em seu site há a necessidade de baixar o documento HTML, folhas de estilo, arquivos JavaScript e imagens antes de poder usar sua página. Isso pode ser até 30 componentes e 2,4 segundos.

Habilite o Cache para Melhorar a Velocidade do Site na Hospedagem

Com o uso de cache, em um segundo acesso os componentes ficam armazenados no cache do usuário. Assim, apenas alguns precisam ser baixados para visitas subsequentes, o que fará com que a página carregue mais rapidamente.

Invista em um bom serviço de hospedagem

Vários fatores influenciam na velocidade de um site, mas um deles é determinante para que o site tenha um bom desempenho – o serviço de hospedagem. Não importa o quão otimizado seja o código por trás de um site, em uma hospedagem ruim, ele nunca terá um bom desempenho.

Afinal, quanto mais tempo seu servidor aguarda para responder a uma solicitação de um navegador, mais lento o tempo de carregamento da sua página. Por isso, escolher uma hospedagem rápida é um fator crucial para um site rápido.

Lembre-se, se um usuário tiver que esperar vários segundos entre cada consulta, eles podem sair sem uma compra. Mesmo que eles encontrem alguma coisa, as chances de que continuem a navegar também diminuirão com cada segundo extra.

Quer melhorar velocidade do seu site? Escolha a melhor hospedagem de site e garanta uma boa experiência para seus visitantes.


Avatar
Redação

Melhor Hospedagem de Sites é um projeto com o objetivo de ajudar as pessoas na busca pelo lugar ideal para hospedar seus sites, trazendo informação e conhecimento sobre o universo de hospedagem de sites.


Hostinger logo
9.9 /10
GoDaddy logo
9.1 /10